Notícias

Você está aqui: Início/Notícias


Azevedo Lima fica em primeiro lugar na redução de infecção hospitalar


Carolina Perez

 

O Hospital Estadual Azevedo Lima (HEAL), vinculado à Secretaria de Saúde, localizado em Niterói, ficou em primeiro lugar na redução dos índices de infecção hospitalar entre 120 unidades hospitalares públicas de todo o Brasil. A ação se deu dentro do Proadi-SUS (Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do SUS), um iniciativa do Ministério da Saúde voltada para discutir a segurança do paciente em unidades de terapia intensiva. A meta do programa era reduzir em 50% a incidência de infecções relacionadas à assistência no período entre 2017 e 2020, mas o HEAL a alcançou e ultrapassou em apenas oito meses.

 

– Esta não foi somente uma vitória médica e sim, de todo o time do Azevedo Lima, desde os enfermeiros até a equipe de fisioterapia. Aperfeiçoamos os protocolos que já utilizávamos e englobamos todos os profissionais que, de alguma maneira, têm contato direto com os pacientes – afirmou o diretor-técnico do HEAL, Rogério Casemiro.

 

No período entre dezembro de 2017 e agosto de 2018, o hospital reduziu a incidência de infecção sanguínea por uso de cateter venoso de 5% para 1,5%. Em alguns setores da terapia intensiva, as taxas de infecção urinária por uso de sonda e de pneumonia por uso de ventilação mecânica foram reduzidas a zero. Isso significa que o paciente permanece menos tempo internado, logo o hospital pode oferecer leitos para a população com maior frequência. Significa também melhoria na assistência, redução na mortalidade e economia de recursos para o estado.

 

– Creditamos o sucesso no Proadi-SUS aos protocolos que já estávamos utilizando no HEAL. O que fizemos agora foram alguns ajustes. Nos tornamos um 'case', além de uma referência no assunto – completou o diretor-técnico.

 

Para alcançar os resultados em tempo recorde, o Azevedo Lima implementou nas unidades de tratamento intensivo ferramentas de melhoria e controle e processos, atividades especiais como o Round com a Família, que permite aos familiares dos pacientes internados em CTI participarem das decisões médicas relacionadas ao seu familiar, além da criação do grupo de funcionários guardiões dos processos, que atuam em todos os plantões e foram essenciais para os resultados obtidos.

 

O Proadi-SUS recebe a tutela de cinco hospitais apontados pelo Ministério da Saúde como Entidades de Saúde de Reconhecida Excelência: Sírio Libanês (SP), Albert Einstein (SP), Hospital Alemão Oswaldo Cruz (SP), Hospital do Coração (SP) e Moinhos de Vento (RS). Juntos, eles apoiam e monitoram os programas de aprimoramento da qualidade assistencial em cerca de 120 UTIs de hospitais públicos nas esferas municipal, estadual e federal em todo o país, por meio de eventos chamados “Sessões de Aprendizagem”.

 

Unidade com emergência e maternidade de alto risco

 

Única unidade de Niterói com emergência de portas abertas traumato-ortopédica e neurológica, o HEAL tem também a única maternidade com atendimento de alto risco em toda a Grande Niterói, com mais de dois milhões de habitantes e integrada por outros seis municípios: São Gonçalo, Maricá, Itaboraí, Tanguá, Silva Jardim e Rio Bonito.