Notícias

Mais pesquisados:
  • ESTADO
  • DETRAN
  • CURSOS
  • PROCON
  • IPVA
  • PÁGINA INICIAL > IMPRENSA > NOTÍCIAS
    Divulgação


    Instituto do Ambiente promove dia D da Operação Fumaça Zero


    22 de julho de 2021

    O Instituto Estadual do Ambiente realiza nesta quinta-feira (22/7) o Dia D na Operação Fumaça Zero. Iniciada no mês de maio, o objetivo da mobilização é reduzir, neste ano, 30% dos focos de incêndio e queimadas na Região Serrana do Estado do Rio de Janeiro comparando com o ano de 2020.
     

    A operação vem combatendo incêndios e realizando ações de conscientização com moradores e trabalhadores de locais que precisam lidar com as queimadas ano a ano. Os índices aumentam de acordo com a diminuição dos volumes de chuva durante o inverno brasileiro.

    - O Dia D da Operação Fumaça Zero é uma ação importante, que mobiliza todos os órgãos e setores envolvidos no projeto. É uma forma de alertar e chamar a atenção da sociedade sobre os perigos dos incêndios florestais, não só para o meio ambiente mas para toda a sociedade - explica o secretário de Estado do Ambiente, Thiago Pampolha. 

    Um outro agravante comum nesta época do ano é a soltura de balões, que acabam provocando incêndios ao caírem acesos nas áreas de vegetação. Fabricar, vender, transportar e soltar balões é crime previsto na lei nº 9605/98.

    A Operação Fumaça Zero conta com a participação de órgãos governamentais e de empresas privadas: Gabinete de Segurança Institucional do Estado do Rio de Janeiro, Fundação Ceperj, PMERJ, DER/RJ, 4º Delegacia PRF, Prefeituras Municipais, Associações de moradores, Concer, Rota, CRT, Light, Viação Dedo de Deus, Pedro Ita e Grupo Águas são os participantes da segunda edição do programa de preservação ambiental. A união das esferas pública e privada aumenta a abrangência da operação, que acontece em 13 municípios da Região Serrana do Estado do Rio de Janeiro.

    De maio até a primeira quinzena de julho, a Operação Fumaça Zero já realizou cerca de 44 vistorias, lavrando cerca de 230 notificações preventivas de incêndios e coibindo 17 focos de incêndios, antes que o foco se tornasse um incêndio florestal.