Notícias

Você está aqui: Início/Notícias


Entorno da estação de Queimados receberá melhorias


Por Ascom da Secretaria de Transportes

 

O entorno da estação ferroviária de Queimados, na Baixada Fluminense, está sendo estudado por especialistas que pretendem tornar a região mais atrativa e inclusiva para moradores, comerciantes e visitantes do local. O fruto desse trabalho é o projeto Conectar Queimados - iniciativa do Governo do Estado e da Prefeitura de Queimados, que conta com financiamento do Banco Mundial. Em ação desde janeiro deste ano, a proposta deverá ser concluída no segundo semestre de 2019.

 

O projeto tem como principal referência os princípios de Desenvolvimento Orientado ao Transporte (DOTS), conceito que visa estimular as cidades a serem cada vez mais compactas e favoráveis à utilização de transportes sustentáveis. Nesse contexto, o objetivo é facilitar o deslocamento dos usuários do trem e linhas de ônibus e das pessoas que optam por outros meios de locomoção, como caminhada e bicicleta.

 

Além de colaborar com o deslocamento, o projeto busca facilitar a integração da região, potencializando a proximidade entre as oportunidades de trabalho, moradia, comércio e lazer. O trabalho está sendo elaborado pelo Consórcio Conectar, formado pela ATP Engenharia, EDUTEC (Educação e Tecnologia LTDA) e ITDP Brasil (Instituto de Políticas de Transporte e Desenvolvimento). A ideia é tornar a circulação no entorno da estação mais rápida, e fazer dos deslocamentos mais seguros e acessíveis.

 

Projeto visa a participação da população

 

A participação e o acompanhamento das pessoas que transitam e utilizam o espaço do entorno da estação é fundamental. Durante as etapas do Conectar Queimados, o site do projeto será atualizado com notícias, documentos e atas das reuniões para que a população possa acompanhar as mudanças. Também será possível opinar sobre as modificações, fazer solicitações e sugestões através do site.

 

A partir dos resultados obtidos com a reestruturação na cidade de Queimados, a expectativa é que a proposta e o método utilizados sirvam de exemplo para outros municípios que também necessitam de melhorias nas áreas próximas aos corredores de transporte para promover uma mobilidade mais sustentável.